Experts    |    Eu, profissional    |    Tendências    |    Guia da Beleza

Tag: fios

Qual tipo de corte mais combina com o seu rosto? Descubra técnicas para identificar
Você já se imaginou com um corte Chanel, mas tem receio do seu rosto ser muito redondo e, consequentemente, não ficar bom? Vamos te ensinar algumas técnicas para você se sentir confortável e bela com seu novo visual. Saiba o formato do seu rosto Com algumas dicas você consegue chegar a uma conclusão sobre qual é o formato do seu rosto. Confira:       em frente ao espelho, puxe todo seu cabelo para trás, isso ajudará você ver o contorno do seu rosto até o início da raiz dos cabelos;       feito isso, observe a altura, largura da testa e a expressividade das sobrancelhas;       observe também a maçã do rosto, altura e largura do queixo. Agora é hora de avaliar qual perfil mais se enquadra com o seu. Isso será imprescindível para um corte incrível!  Rosto redondo             Com curvas evidentes na maçã do rosto, queixo e testa com traços arredondados e menores. Aposte nos médios e longos cortes! Além de trazer volume, ajudam a alinhar o rosto e dar movimento aos fios. Em franjas, opte por aquelas que podem ser usadas na lateral ou franjões. Rosto retangular Possui linhas mais retas nas regiões do queixo e testa, porém as maçãs do rosto não são tão evidentes. Esse tipo de rosto pode abusar de repicados e fios mais volumosos. Dentre os principais estão o Chanel Tradicional e Chanel de Bico, um pouco abaixo da linha do queixo. Rosto oval Curvas delicadas na região do queixo e a testa um pouco mais alta com boas evidências na maçã do rosto. Os cortes desfiados são as melhores pedidas para esse tipo de rosto. Isso porque ele não terá um grande volume na parte de cima da cabeça. Franjas curtas e retas também são uma boa pedida. Aproveitamos para lembrar que essa não é uma tarefa fácil, e identificar esses pontos pode ser o grande diferencial de um profissional. Quer aprender este e muitos outros temas? Acesse nosso site e se matricule no curso de Cabeleireiro Profissional!
> Leia mais
A revolução do cabelo natural
Não há como negar que os cabelos naturais voltaram com força. Cada vez mais, as mulheres estão parando de alisar os cabelos e assumindo as raízes, literalmente. Dados divulgados pela Agência Heads em parceria com a ONU Mulheres, mostraram o aumento de 232% na busca por cabelos cacheados no Brasil em 2017. E, de lá para cá, a tendência continua.          Mas, tudo isso não se resume apenas à estética. A mudança pode ser visual, mas carrega uma essência muito mais profunda: a identidade. Durante muito tempo, os cabelos lisos eram a única opção do que era considerado bonito. Porém, hoje em dia, todos os tipos de beleza têm espaço e devem ser valorizados.          De acordo com uma pesquisa feita pela Kantar WorldPanel, o Brasil é o país com mais tipos de cabelo no mundo e a maioria são variações dos fios cacheados e crespos, que representam 51,4% da população. Já os dados da parceria entre o Instituto Beleza Natural e a Universidade de Brasília (UnB) calculam índice de 70% de cabelos cacheados e crespos.              Pode reparar: de uns anos para cá, a mídia tem dado muito mais espaço aos cabelos naturais. Seja nas propagandas, novelas ou redes sociais. E essa mudança é extremamente positiva, afinal, se reconhecer no outro é a melhor forma de se inspirar.          A maioria das mulheres que alisam os cabelos, começaram com os procedimentos após sofrerem bullying na escola. Imagina a diferença que faria ver uma mulher poderosa com os fios naturais para uma menina que está começando a formar sua identidade, não é mesmo?   Transição capilar          Nesse sentido, muitas optam por passar pela transição capilar. O processo consiste em abandonar a química e os alisamentos e deixar os cabelos crescerem de forma natural. Algumas mulheres também realizam o big chop, ou o grande corte, uma vez que as raízes atingem um tamanho considerável. É como começar a relação com o cabelo do zero. A jornada pode ser difícil, mas vale a pena.     Crescimento do mercado          Consequentemente, a busca por produtos voltados para o cuidado com os fios naturais aumentou muito. E os salões de beleza vêm se especializando em atender a clientela que passa pela transição, grupo que aumenta a cada dia. Ou seja, todos saem ganhando.            Portanto, para acompanhar o cenário, é interessante que os cabeleireiros se especializem constantemente e, também, em cabelos naturais. O alisamento ainda não perdeu seu espaço, mas a possibilidade e alternativas ao cabelo liso já é um grande avanço, pois contempla muito mais diversidade.
> Leia mais
Megahair: como cuidar dos cabelos com aplique
O Megahair é uma técnica que dá mais volume e comprimento aos cabelos, porém, para manter o visual bonito por mais tempo, é preciso tomar alguns cuidados durante as rotinas do dia a dia, como lavar e até o preparo para dormir. Hoje iremos trazer dicas de como cuidar das madeixas alongadas, garantir que os fios permaneçam lindos, e saudáveis e com um caimento ainda mais natural. Dessa forma, você irá poder informar às suas clientes após cada procedimento. 1 – ESCOLHA EXTENSÕES DE QUALIDADE As extensões de cabelo humano são as mais indicadas para quem busca um resultado natural. O ideal é mandar tecer uma extensão específica para cada tipo de cabelo, evitando que o caimento das mechas fique artificial. 2 – EVITE QUÍMICAS DEPOIS DE APLICÁ-LO A química pode causar uma queda intensa, deixando o cabelo quebradiço e opaco. Por isso, é importante evitar durante o período que sua cliente está com as extensões. 3 – CUIDADOS NA HORA DE DORMIR  A fronha de seda ou o gorro ajudam a proteger as madeixas do ressecamento e da quebra, portanto, é uma tática ótima na hora de dormir. Isso vale, inclusive, para quem tem os cabelos cacheados (ou crespos) e quer evitar o frizz, mantendo os cachos por muito mais tempo. Além disso, nunca durma com os fios molhados – assim, você evita que a cola do aplique amoleça. 4 – ATENÇÃO NO COURO CABELUDO AO LAVAR AS MADEIXAS Por causa das junções do Megahair permanente, lavar o couro cabeludo pode ser uma ação difícil, dependendo do tipo de cabelo. Para evitar o efeito oleoso nos fios, é importante dar preferência a shampoos e condicionadores que não tenham tantos hidratantes, como os específicos para cabelos oleosos. Produtos com álcool também devem ser evitados, porque comprometem as extensões. 5 – CUIDADO NA HORA DE PENTEAR OS FIOS Para pentear sem causar queda por tração – puxar a junção do Megahair com força com pente ou escova – separe o cabelo em sessões e trabalhe cada mecha, uma por vez. Comece devagar, penteando de cima para baixo, com escovas e pentes de cerdas flexíveis e sem bolinhas nas pontas. 6 – CUIDADO NA HORA DE USAR CHAPINHA E SECADOR O calor de pranchas e dos secadores pode comprometer a durabilidade das extensões. O ideal para que a temperatura alta dos aparelhos não derreta o ponto entre o cabelo natural e a mecha aplicada (feito de material delicado como resina e queratina) é manter uma distância mínima de três dedos entre a junção e a chapinha. No caso do secador, o aconselhável é deixar pelo menos 15 centímetros entre o jato e o cabelo. 7 – EVITAR PISCINA Quem tem Megahair só pode curtir o calor em praias e cachoeiras. O motivo é o cloro, que além de afetar a durabilidade da extensão, muda sua tonalidade, principalmente dos cabelos mais claros, deixando as madeixas do Megahair mais claras do que seu tom natural. 8 – APOSTAR NA HIDRATAÇÃO Para manter os cabelos saudáveis – principalmente os naturais, que são a base para o Megahair, é essencial tratar as madeixas com hidratação, como as feitas com óleo capilar. Para garantir o resultado ideal, a nutrição deve ser aplicada longe da cola do Megahair, evitando o dano na junção entre o cabelo natural e as madeixas aplicadas. 9 – DEIXE O FIO RESPIRAR Normalmente, a cada dois ou três meses o Megahair é renovado. Quando isso acontecer, é preciso fazer uma pausa de pelo menos 24 horas entre o cabelo retirado e o novo. Caso contrário, o couro cabeludo pode ficar fraco e até prejudicar o crescimento natural dos fios. Aproveite essa pausa também para hidratar e fortalecer as madeixas. Confira também, nosso post sobre todos os tipos de extensões para você se manter atualizada. Agora que você sabe mais sobre os cuidados com as extensões, que tal virar uma especialista em alongamento dos fios? Faça sua matrícula em nosso curso de Alongamento de Cabelos e aprenda todas as regras fundamentais para atuar no pré e pós colocação dos apliques.
> Leia mais
Loiro platinado: como alcançar a cor em cada tipo de cabelo
Alcançar o tão desejado loiro platinado é um processo que muda de cabelo para cabelo. Dependendo do tipo de fio – liso, ondulado, cacheado ou crespo – é necessário ajustar a rotina de cuidados para passar sem grandes problemas pela descoloração. Afinal, a química, somada à tinta loiro platinado pode impactar na saúde das madeixas. Quer saber como fazer a descoloração perfeita em suas clientes? Então vem com a gente. CABELOS LISOS: PROGRESSIVAS E OUTRAS QUÍMICAS PODEM INTERFERIR NO RESULTADO DO LOIRO PLATINADO Para evitar o efeito desalinhado ou a quebra dos fios depois de clarear, é importante hidratar bem o cabelo liso. Atenção: se sua cliente já faz alisamentos, fique sabendo que a química pode interferir no clareamento dos fios ou até mesmo impactar na cor final. Juntos, os dois processos também podem ser danosos para a fibra capilar. Por isso, é importante espaçar as datas dos procedimentos antes de platinar. O indicado, se esse for o caso de alguma cliente, é esperar pelo menos duas semanas entre um procedimento e outro, seja para a primeira aplicação ou o retoque. Além disso, no intervalo, é de extrema importância investir em cuidados como a reconstrução capilar, uma técnica que repara os cabelos com químicas para que eles aguentem os diferentes tratamentos e outros aditivos químicos. CABELOS CACHEADOS PRECISAM DE CUIDADOS EXTRA ANTES DA DESCOLORAÇÃO Os cabelos ondulados e cacheados costumam ser mais secos do que os lisos, então é preciso redobrar os cuidados com os fios antes de deixá-los claríssimos. Certifique-se de que as madeixas estão bem hidratadas e macias para passar pela descoloração global e alcançar os cabelos loiros platinados. Dessa forma, é possível reduzir os riscos de quebra e outros danos à fibra capilar ao realizar a transformação. CABELO CRESPO: VAI PLATINAR? CAPRICHE NAS HIDRATAÇÕES! Por ter os cachos mais fechados, os cabelos crespos costumar ser mais frágeis e sofrem ainda mais com o ressecamento. É preciso caprichar na preparação para platinar os fios! Antes de encarar a descoloração, é uma boa ideia investir em tratamentos de hidratação e reconstrução para preservar a saúde do fio. Depois do processo, esses passos devem ser incluídos na rotina de cuidados para manter o cabelo loiro platinado, saudável, forte e brilhoso. O TESTE DE MECHA É NECESSÁRIO ANTES DE QUALQUER CABELO FICAR LOIRO PLATINADO Seja liso, ondulado, cacheado ou crespo, natural ou alisado, mesmo tomando alguns cuidados antes de fazer a mudança de cor, pode ser que o cabelo não esteja preparado para o processo. Essa condição só vai ser descoberta com o teste de mecha, por isso, é importante aplicar em uma mecha para verificar. Se os fios permanecerem fortes e saudáveis depois do tempo de ação, o processo pode ser continuado. COR DA BASE TAMBÉM INFLUENCIA NO RESULTADO DA TINTA LOIRO PLATINADO Além de considerar a textura, é importante ficar atenta a cor atual dos fios na hora de descolorir o cabelo. O tempo de ação do descolorante varia para tons de loiro, ruivo, castanho e preto. Isso também influenciará o número de sessões de clareamento que serão necessárias para chegar ao platinado. Depois disso, ainda pode ser necessário remover ou neutralizar alguns pigmentos para conseguir o efeito desejado. Isso pode ser feito com tonalizante ou com a coloração permanente. Ou seja: quanto mais escuro o cabelo for, de mais cuidados prévios ele vai precisar. Quer se tornar um especialista em colorações? Matricule-se em nosso curso de Cabeleireiro Profissional e aprenda as mais variadas técnicas utilizadas pelos grandes profissionais.  
> Leia mais
Corte bordado: descubra tudo sobre essa técnica
 O corte bordado é uma técnica que faz muito sucesso, pois elimina as pontas duplas e ressecadas dos fios sem mexer no comprimento do cabelo! Vem com a gente, que vamos te explicar tudo sobre esse procedimento incrível. Para que serve? O corte bordado serve para retirar as pontas duplas dos fios que deixam os cabelos com um aspecto ressecado e frisado, o pavor de qualquer mulher! Isso ocorre por diversos fatores, como: uso excessivo de chapinha ou secador, muita exposição ao sol, uso de coloração, processos de descoloração ou até mesmo em cabelos frágeis. O que acaba resultando em frizz. Além disso, o maior benefício desta técnica de corte é que ela não diminui o comprimento dos fios! Ou seja, deixa as madeixas saudáveis e deslumbrantes sem ter que tirar aqueles dois dedinhos de cabelo. E como é feito? Atualmente, existem duas técnicas. A mais tradicional é manualmente com a boa e velha tesoura, onde é necessário escovar o cabelo seco mecha por mecha. Já a outra técnica é feita através de uma máquina especialmente para esse tipo de corte, que ao ser passada na mecha, vai escovando e cortando as pontas arrepiadas. Quando é indicado fazer o corte bordado? Quando os cabelos estiverem ressecados, cheios de pontas duplas e com uma aparência nada saudável. Porém, é importante ressaltar para as clientes que não é só esse procedimento que irá manter as madeixas saudáveis. É necessário realizar uma rotina de cuidados, como hidratações, umectação e usar bons produtos que protejam os fios de fatores externos. Mas uma coisa é certa, o corte é liberado para todos os tipos de fios! Como já dito, a função do corte bordado é retirar as indesejadas pontas duplas. E não tem cliente que nunca sofreu desse mal, não é mesmo? Portanto, alisadas, cacheadas e crespas podem investir nesse milagroso corte para manter as madeixas lindas. Quer saber mais sobre as principais tendências de cortes? Se especialize em nosso curso de Design de Cortes Femininos e descubra todos os segredos do corte perfeito.
> Leia mais
Cronograma capilar: tire todas suas dúvidas!
O que é cronograma capilar? O cronograma capilar é uma agenda de tratamentos para os fios que pode ser feito em casa ou no salão, e geralmente dura 30 dias. É um processo que ajuda a repor os nutrientes necessários para ter um cabelo 100% saudável. Realizar este método é essencial já que os procedimentos químicos e o uso excessivo do calor nos fios podem causar danos, deixando os cabelos ressecados, sem brilho e com frizz. Vale lembrar que o cronograma é indicado para todos os tipos de cabelos. Etapas do cronograma capilar O cronograma capilar consiste em 3 etapas. Cada uma oferece propriedades que as madeixas precisam. Confira mais e torne-se um especialista na saúde dos fios! Hidratação A hidratação repõe a água e os nutrientes dos fios, deixando os cabelos macios e com brilho. Todos os tipos de cabelos precisam ser hidratados, até mesmo os virgens, uma vez que as agressões sofridas no dia a dia danificam os fios e abrem as escamas, causando pontas duplas entre outros danos. É importante respeitar a quantidade de produto, para não causar oleosidade excessiva no couro cabeludo.   Nutrição A nutrição repõe os lipídios necessários e devolve a oleosidade natural dos fios. É indicada para cabelos ressecados, sem movimento e opacos. Mais uma vez, é importante não exagerar na quantidade de produto, isso pode deixar os fios pesados.   Reconstrução Cabelos quebradiços, porosos e submetidos a processos químicos (descoloração, colorações, entre outros) são os que mais necessitam de reconstrução. Ela repõe a queratina, devolvendo a rigidez e a força dos fios. É importante realizar esse processo pelo menos uma vez ao mês, mas atenção: o excesso pode deixar o fio muito rígido e ocasionar a quebra. Sendo assim, deve ser feita no máximo a cada 15 dias. O cronograma é um conjunto de técnicas para os cuidados capilares, mas quem vai realmente dizer o que o cabelo necessita são os próprios fios. Quer saber como fazer uma análise capilar e montar o cronograma perfeito para suas clientes? Matricule-se no curso de Cabeleireiro Profissional e fique por dentro das principais técnicas e tratamentos capilares.
> Leia mais
Cortes curtos: principais tendências para este ano!
O ano mal começou, e já circulam na web várias tendências de cortes que vão bombar. Se você quer ficar por dentro, acompanhe nosso artigo, iremos mostrar os curtos que prometem chegar com tudo! Os curtos já deixaram de ser um corte só para as mais ousadas. Diversas mulheres estão se libertando dos cabelões e apostando nos cabelos curtinhos. Afinal, eles são fáceis e práticos de manter. Tudo indica que os curtinhos assimétricos com franja lateral estarão, entre os mais pedidos de 2021. Ah, entretanto, é importante lembrar que o corte ideal deve ser escolhido a partir do estilo e gosto pessoal de cada cliente. Portanto, antes de fazer a mudança no visual, tenha em mente qual combina com o formato do rosto. Se suas clientes querem dar aquele up no visual e ainda não sabe em qual corte de cabelo apostar, essas dicas chegaram para te salvar!    1. Cabelo Chanel ou Short bob: atemporal e repaginado Os cortes Chanel e bob são clássicos, segundo a previsão da moda, continuará fazendo a cabeça das mulheres ainda por bastante tempo. Além disso, esse estilo combina com todos os formatos de rosto, portanto, não tenha medo de apostar em algumas dessas opções.    2. Short bob blunt: corte reto e com volume Perfeito para quem gosta de um estilo leve, moderno e despojado. O Short Bob Blunt tem a base reta e as pontas levemente desfiadas para ganhar suavidade. Uma opção é deixar a parte de frente um pouco mais comprida para alongar e afinar o rosto. Para combinar com o estilo de cada cliente, o corte pode ser usado com os fios separados no meio ou dividido na lateral.   3. Micro Bob: fios na altura do queixo  As opções de cortes Micro Bob são as melhores para fugir do calor nos dias de verão. O comprimento menor dos fios deixa as costas livres e arejadas, além de ajudar bastante a otimizar os cuidados com as madeiras nos rituais de beleza. Além disso, ele também pode ser usado com todos os formatos de rosto. As pontas da frente mais alongadas (ainda que bem de leve) do que as madeixas de trás tornam esse corte um dos melhores para suavizar e alongar o rosto. Outra dica é tentar desfiar um pouquinho as pontas e usar o estilo messy como finalização. É tiro e queda!   4. Corte bob arredondado: ideal para cachos e crespos As donas de cabelos cacheados ou crespos sabem que nem sempre é fácil escolher o corte perfeito para renovar o visual, podendo surgir várias dúvidas: será que os cachos vão perder a definição? Como será a manutenção do corte? Vou continuar usando o mesmo creme de tratamento? Para as clientes que estiverem passando por este dilema, selecionamos uma opção incrível: o bob arredondado. O bob é uma versão repaginada do corte Chanel e é o atual queridinho, sendo apresentado em inúmeras versões: ele pode ser reto, repicado, assimétrico ou até arredondado. O último está sendo um dos mais adotados pelas crespas e cacheadas, já que deixa os cachos no lugar sem precisar de grande esforço para arrumá-los no dia a dia. Mas nada como uma boa finalização: ela ajuda na definição das madeixas para que o corte fique como o esperado. Um produto que pode ajudar muito nesse processo é o óleo capilar! Ele é ótimo para fazer fitagem ou umectação, técnicas que já abordamos em nosso blog e que são bem conhecidas pelas donas destes tipos de fios para deixar os cachos bem bonitos. Um detalhe importante é que o óleo deve ser usado apenas nas pontas ou ao longo dos fios para evitar que a raiz perca o volume.    5. Corte Pixie: moderno e despojado   Primeiramente, o corte Pixie se tornou moda ainda nos anos 50, após a Audrey Hepburn aderir ao estilo. Além disso, outras artistas como Katy Perry, Cara Delevingne, Pamela Anderson e Miley Cyrus também adotaram o corte. Os motivos para cortar o cabelo curtinho são muitos, entre eles é que além de prático, o Pixie é super moderno e emoldura perfeitamente o rosto. Agora que você ficou por dentro das principais tendências, chegou a hora de se especializar em nosso curso de Designer de Cortes e garantir o seu diploma. Matricule-se.  
> Leia mais
Umectação: saiba tudo sobre o assunto.
  A umectação é uma técnica que com óleos vegetais que nutre, hidrata e fortalece os fios danificados. Se você ainda não conhece esse tratamento, é a hora de ficar por dentro dos benefícios e aprender tudo sobre o método que vêm fazendo muito sucesso entre às mulheres. Então vem com a gente, pois com essas dicas os fios de suas clientes serão outros!   O que é a umectação capilar? A umectação nada mais é do que um tratamento realizado à base de óleo vegetal, ou seja, tem como objetivo nutrir os fios e, acima de tudo, repor a oleosidade necessária para recuperar os cabelos danificados por diversos fatores, entre eles, as químicas. Para que serve a umectação? O tratamento serve como um complemento à oleosidade natural dos fios. Então, pode ser feito somente com óleos – sem acréscimo de cremes. Deste modo, o ressecamento é combatido de maneira eficaz e, assim, diminui até o aparecimento de frizz. Além disso, a umectação deixa o cabelo menos propenso à quebra. Benefícios de umectar os cabelos: Redução da quebra; Diminuição do frizz; Eliminação da formação de nós; Redução do atrito entre os fios; Combate ao ressecamento e a porosidade; Fortalecimento da fibra capilar; Toque mais suave; Cabelos mais brilhantes.   Os melhores óleos vegetais para a umectação: Para fazer uma boa umectação, é importante contar com óleos 100% vegetais. Se você ainda não sabe qual usar, veja alguns tipos de óleos e escolha o seu preferido. Óleo de rícino Um dos mais potentes e favoritos. Ele hidrata e recupera cabelos quebradiços, danificados e com queda. Sobretudo, é um excelente auxiliar no combate a caspa e a oleosidade. Contém vitamina E, ácidos graxos, ômega 6 e ômega 9. Óleo de coco Rico em vitamina K, vitamina E, ácidos graxos e ferro, a umectação com óleo de coco penetra profundamente na fibra capilar, desse modo protege os fios e retém sua umidade natural. Certamente, o resultado é um cabelo mais sedoso, brilhante e macio. Óleo de argan Contém vitaminas A e D, fundamentais na recuperação e nutrição dos fios. Sua ação antioxidante rejuvenesce e trata a fibra capilar, pois é um óleo extremamente nutritivo. Óleo de girassol Para quem deseja diminuir o frizz, combater as pontas duplas, dar brilho e maciez para o cabelo, esse óleo é a escolha certa. Além disso, ainda ajuda a proteger os fios de ações externas, como as causadas pelo cloro e sol, por exemplo. Óleo de oliva A umectação com azeite contém alta concentração de nutrientes e possui antioxidantes, portanto, combate o envelhecimento precoce das células capilares.   Fique por dentro de todas as tendências em hidratação se matriculando em nosso curso de Cabeleireiro Profissional.
> Leia mais
Fique por dentro dos tons de cabelo que irão bombar neste verão.
Quem já está de olho nas cores de cabelo para mudar o look em 2021 chegou ao lugar certo! Selecionamos tonalidades que irão estar na moda neste verão, para você escolher a cor que mais combina com a personalidade de suas clientes. Diversos tons estão em alta com o objetivo de deixar o look mais moderno, charmoso e urbano. Então vem com a gente se inspirar e colorir seu dia:     Reflexos naturais A tendência neste verão será de tons naturais. Se sua cliente quer realçar a cor natural sem distorcê-la muito, concentre-se nos reflexos. Eles são ótimos para dar aquele ar praieiro, sendo uma escolha muito famosa entre as mulheres nesta época do ano.  O objetivo é trazer luz aos cabelos e extensão ao rosto sem conotações quentes ou frias à sua cor, pelo contrário, serão neutras, deixando os cabelos com uma aparência suave e natural.    Loiro caramelo O loiro, que é a cara do verão, não podia ficar de fora dessa lista! Entre o castanho e o loiro, o tom caramelo chama a atenção, combinando com qualquer tipo de cabelo e fica perfeito com aquela marquinha de sol de suas clientes.   Loiro Gelo A cor loiro gelo é sem dúvida uma escolha que combina perfeitamente com quem tem uma pele com fundo verde-oliva e tom quente. Esta cor glacial é altamente chique e vai conquistar muitos corações no ano de 2021.   Vermelhos modernos Para os amantes do vermelho, o verão promete bombar com a cor mais sensual de todos os tempos. Há duas cores em particular que se destacam: o ruivo cobre e o vermelho cereja, mais decisivo e intenso.   Mechas Rosé Para as mulheres que gostam de ousar, os tons rosés são ideais. O tom pastel continua a ser apreciado em todas as suas nuances, sobretudo por aqueles que querem um toque de excentricidade sem exagerar.   Cor do ano: MARROM ESCURO! O castanho já aparece há várias temporadas, sendo uma cor muito popular e versátil, sempre pronta para novas reinterpretações. É um tom perfeito para realçar as cores do rosto e criar nuances chiques e fascinantes. Uma opção é a cor de café ou chocolate. O marrom escuro, por outro lado, cria uma mistura de contrastes surpreendente.   Depois de todas essas dicas, não se esqueça de usar e abusar dos cremes hidratantes para os cabelos ficarem sempre fortes e brilhantes. Quer saber mais sobre o mundo das madeixas? Faça nosso curso de Cabelos Arrasadores e aprenda as mais variadas técnicas de coloração e hidratação dos fios.
> Leia mais
Fique por dentro
Cadastre-se e receba as novidades!
Copyright © 2022 · Todos Direitos Reservados